Ensino Fundamental II

Nesta fase, o aluno passa por importantes transformações físicas e psicológicas e, nesse estágio de desenvolvimento, ele é mais autônomo, por isso a proposta pedagógica do Colégio Internacional Ítalo Brasileiro oferece condições para que o estudante amplie o conhecimento de si mesmo, do mundo e das especificidades de cada disciplina.

Geekie

Os alunos do Fundamental II têm o ensino personalizado por meio da tecnologia. O aluno recebe o feedback individual de seu aprendizado para trabalhar as suas dificuldades de acordo com seu desempenho. A plataforma trabalha com diretrizes do MEC e respeita o tempo de aprendizagem e interesse de cada estudante. Além disso, são realizados simulados cujo resultado individualizado permite ao aluno, juntamente ao professor, planejar ações para sua melhoria. Dessa forma, o aluno aprende de maneira mais eficiente e divertida.

IEB – Experiência Internacional

Como parte do projeto internacional do colégio, realizamos o “Experiencia Internacional Education Bureau”. O programa ocorre no campus da Internacional School de Buenos Aires, onde os alunos do 9º ano têm a oportunidade de conviver com estudantes argentinos da mesma faixa etária. A viagem desenvolve a fluência do idioma espanhol e, sobretudo, oferece experiência de uma vida e um novo estágio de maturidade aos estudantes.

Língua Inglesa

No Ítalo, os alunos do Fundamental possuem uma carga horária significativa de Língua Inglesa. As rotinas interacionais passam a ser desenvolvidas e a organização da informação escrita e oral se dará gradativamente. Inicia-se no Ensino Fundamental II o processo de certificação internacional. O Ítalo é Exam Preparation Centre da Universidade de Cambridge.

Certificação Cambrigde

A série de exames da Cambridge English for School propicia aos alunos desenvolver níveis de competência linguística que lhes permitirão utilizar o Inglês de modo eficiente e duradouro.

Robótica Educacional

As atividades de Robótica Pedagógica estão estruturadas em quatro fases distintas interconectadas – contextualização, construção, análise e reconstrução. Dessa forma, controlando mecanismos eletrônicos pela programação de uma máquina, unindo um instrumento de aprendizagem a um instrumento de lazer, os alunos desenvolvem processos de criatividade, motivação, memória, linguagem, atenção, percepção, emoção, etc. O trabalho é desenvolvido em equipe de quatro integrantes, cada um desempenhando uma função diferente: Líder, Montador, Organizador e Programador. Desta forma, o professor apresenta ações interpessoais que propiciam aos alunos a experimentação das possibilidades da ética e da cidadania, trocando saberes, negociando conflitos, lidando com diferentes ideias e opiniões enquanto constroem cada projeto. A aula de robótica é ministrada dentro da carga horária do coordenador da área de tecnologia com a participação do professor especialista, uma vez que os robôs são construídos a partir de conteúdos de sala de aula.

Atividades Extras

Futsal, violão, teatro, dança, xadrez, atividades circenses e judô.